• Eduardo Mello

ÁGUA - MARINHA

Atualizado: 28 de jun.

A verdadeira força está em SER e não em TER.


A água-marinha é a variedade azul da família dos berilos, e é um dos cristais mais conhecidos do mundo. Dentro da Cristaloterapia, a água-marinha ocupa o lugar do cristal mais indicado para fortalecer e equilibrar o chakra laríngeo ou da garganta.


O Chakra Laríngeo é o chakra relacionado à expressão, em suas diversas possibilidades, é um centro energético de transição, entre o mundo interno e externo. É nele que escolhemos as palavras e a “roupagem” que daremos aos impulsos do coração e da mente. Mas nem sempre essa “ponte” é fácil de fazer. Traduzir a verdade interna, para a manifestação externa, é uma arte! Encontrar palavras, gestos e ações que façam jus ao que realmente somos, é um trabalho delicado. Ainda mais quando vivemos em uma sociedade que nem sempre aceita de bom grado as particularidades de cada um.


Muitas pessoas acabam não conseguindo expressar uma vida plena pois se desconectam de suas essências e “compram” estilos de vida alheios, que estão desalinhados com seus impulsos internos. Acabam por se frustrar com os resultados que conquistam, pois estes não os suprem e nutrem, justamente por não serem seus verdadeiros caminhos.

A Água Marinha, com sua energia leve e elevada, nos lembra da SIMPLICIDADE de apenas SER. Ela nos clareia as ideias para que fique mais fácil entender quem SOMOS, com verdade. Afinal, quando nos reconectamos com o nosso SER real tudo fica mais fácil, simples e agradável. Voltamos a dar valor ao que realmente importa, e lembramos que as melhores coisas da vida não estão à venda.

Sua grande missão com os seres humanos é nos ajudar a sermos nós mesmos, livres, desimpedidos, expressando nossa verdade interna da maneira mais perfeita possível, nossa essência.

Ser quem realmente somos é nossa maior missão na Terra, não ter mais dinheiro, status ou poder. A verdadeira força está em SER e não em TER ou PARECER SER.

A água marinha nos lembra dessa verdade e nos ajuda nesta expressão verdadeira da Alma, expressão está que pode ser através da fala, do canto, do corpo, da arte, do SER. Da maneira que cada um escolher, não existe uma certa e uma errada, todas são perfeitas em si. Cada uma das possibilidades de expressão é uma parte de um todo, que precisa da multiplicidade de expressões para se formar, assim como células iguais não conseguem formar um corpo humano. Apenas quando entendemos essa verdade é que poderemos nos permitir ser quem somos e permitiremos que o outro seja quem ele é. Apenas assim poderemos aprender sobre a riqueza da diversidade e deixaremos de lado a tendência de seguir o comportamento de massa, padronizado, que cria uma linha de produção destituída de vida, de Alma e de verdade.


Em uma oitava menos profunda, a água-marinha é um ótimo cristal para ser trabalhado no auxílio à problemas de fala e para pessoas que precisam aprimorar a habilidade de comunicação, pois ela ajuda a “achar as palavras” certas e a ordenar o coração com a fala.


Cantores, oradores e pessoas que usam muito a fala podem se beneficiar muito com esse cristal. Meu professor Antônio Duncan costumava contar que em sua época como produtor musical, indicava para os cantores usarem uma água-marinha no pescoço, como pingente, durante as gravações dos discos para haver menos desgaste de suas vozes durante as longas horas de gravação.




390 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

VIVIANITA

VANADINITA