• Eduardo Mello

DIOPTÁSIO



Limpando profundamente o chakra cardíaco.


O Dioptásio é um cristal de cor verde muito bonito, é oriundo de regiões do continente africano e possui características energéticas muito importantes dentro da cristaloterapia.


Dentre os cristais de cor verde temos muitas opções de escolha quando queremos trabalhar as questões de poder pessoal, estrutura emocional, e desenvolvimento do lado Yang (Masculino). Porém quando falamos em ir mais fundo dentro de um processo terapêutico, aonde as “camadas da cebola” de uma pessoa começam a ser retiradas para que se chegue mais perto das reais causas de determinado desequilíbrio, nem sempre temos opções tão boas como o Dioptásio.


Esse cristal possui uma força muito grande, sendo um dos melhores cristais, se não o melhor, para limpar bloqueios energético/emocionais na região do chakra cardíaco, localizado no centro do peito. Esses bloqueios podem ter diversas origens e causas, podem ter sido gerados na infância, causando algum dano à criança interior, ou por alguma decepção profunda, abusos de diversas naturezas, frustrações e etc.. Quase sempre estão na sombra, ou seja, não são acessados pelo nível consciente da pessoa, e por isso mesmo é aconselhado usar este cristal apenas com o acompanhamento de algum terapeuta capacitado, ou quando se está ciente de que ele pode trazer questões delicadas à tona.


A parte mais fascinante deste cristal é que ele não só consegue ir fundo na limpeza, mas sua energia verde de cura ajuda a promover o fortalecimento da região do chakra cardíaco, para que a pessoa possa reestruturar seu sistema de energia e ter forças para mudar e criar um novo padrão de vida.


Geralmente não é indicado começar um trabalho de Cristaloterapia direto com o Dioptásio, e sim apenas após o uso de cristais mais leves como Quartzo Verde, Esmeralda e Malaquita, para que seu sistema de energia possa ir trabalhando inicialmente com energias menos intensas e, aos poucos, vá aprofundando em seu processo de cura. Não adianta correr, usar o Dioptásio antes da hora, geralmente, não acelera nenhum processo, pelo contrário, quase não surte efeito.


Este cristal também pode ser usado em meditações individuais, nesse caso sugerimos o mesmo procedimento, primeiro trabalhe cristais mais leves, e apenas após um certo tempo vá para o Dioptásio.



4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

VIVIANITA

VANADINITA